Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2018

SINDICAR celebra missa de Corpus Christi

Foi realizada no dia 31 de maio, na sede do Sindicar (Sindicato dos Carregadores Autônomos de Hortifrutigranjeiros e Pescados em Centrais de Abastecimento de Alimentos do Estado de São Paulo) uma missa para celebrar o Corpus Christi, feriado católico comemorado 60 dias depois da Páscoa, sempre na quinta-feira seguinte ao Domingo da Santíssima Trindade (domingo seguinte ao Domingo de Pentecostes). Cânticos religiosos foram cantados pelo coral da Fraternidade Secular Agostiniana Recoleto.
O evento reuniu familiares e amigos dos carregadores, que assistiram ao ato religioso no galpão onde são guardados os carrinhos de transporte. Estiveram presentes ao encontro – entre outros - o diretor presidente da CEAGESP, Johnni Hunter Nogueira, e o gerente do Departamento de Entreposto da Capital, Pedro Horta, que foram recebidos pelo presidente do Sindicar, José Pinheiro de Souza. Ao final, os convidados saborearam um churrasco e entraram na dança ao som de grupos musicais, alguns formados pelos pr…

Parabéns CEAGESP!

Há 49 anos nascia a Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP), fruto da fusão de duas grandes empresas mantidas pelo governo paulista: o Centro Estadual de Abastecimento (CEASA) e a Companhia de Armazéns Gerais do Estado de São Paulo (CAGESP). O anúncio oficial foi realizado em abril de 1969 pelo então secretário da Agricultura, Antonio Rodrigues Filho. Idealizador do projeto, Rodrigues apresentou a proposta ao governador da época, Abreu Sodré, que elencou os diversos benefícios que resultaria da união, como por exemplo, a redução de custos.
No dia 31 de maio do mesmo ano, com a promessa de promover a melhoria de condições de armazenamento e comercialização de produtos, a fusão foi formalizada em sessão solene na Secretaria de Agricultura e a primeira diretoria da Companhia empossada tendo David Maluf como presidente.
De lá para cá, a CEAGESP não parou de crescer e se consolidou como um grande empresa reconhecida por sua atuação nas áreas de entrepostage…

Portões do Entreposto Terminal São Paulo (ETSP) estarão abertos para carga e descarga durante 24 horas

A diretoria da CEAGESP informa que os portões do entreposto da capital estarão abertos para carga e descarga de mercadorias, durante 24 horas, até o dia 9 de junho. A medida tem o objetivo de contribuir com os comerciantes para o processo de normalização das atividades do entreposto que, gradativamente, está retomando sua rotina. A programação do Entreposto Terminal São Paulo (ETSP) para o feriado e final de semana será realizada normalmente, exceto as atividades da madrugada no Frigorífico São Paulo (FRISP), que voltam somente no dia 1° de junho. Feriado 31/5 – os boxes funcionarão de acordo com cada comercianteFeira de Flores – acontecerá normalmente na madrugada de quinta para sexta-feira, da meia-noite até 9h30 no MLPVarejão – feira livre que acontece no MLP aos sábados das 7h às 12h30 e aos domingos das 7h às 13h30Festival da Sardinha – tradicional evento da Sardinha na Brasa com pratos a preços populares. Aos sábados das 12h às 21h e aos domingos das 12h às 20h, até o di…

Feira de pescados não funcionará no feriado de Corpus Christi

A Associação dos Comerciantes Atacadistas de Pescados no Estado de São Paulo (ACAPESP) informou que por decisão da maioria dos seus associados, não haverá comercialização na feira de pescados no Frigorífico São Paulo (FRISP) no feriado de Corpus Christi, dia 31 de maio (quinta-feira) sendo que as atividades serão retomadas normalmente no dia 1 de junho(sexta-feira).

CEAGESP funciona normalmente na capital e interior

A CEAGESP manterá seus portões abertos tanto nas unidades da capital como do interior, para que os atacadistas de frutas, legumes, verduras, flores e pescados pudessem atender normalmente a sua clientela, mesmo diante de adversidades como a paralisação dos caminhoneiros, que está impossibilitando a entrada e saída usual de mercadorias nos entrepostos da Companhia.
A Companhia espera que a situação chegue a uma solução positiva e o abastecimento de alimentos e produtos essenciais ao bom funcionamento da sociedade seja restabelecido o mais breve possível.

Entreposto da Capital teve funcionamento parcial na sexta-feira (25/5)

Greve de caminhoneiros prejudica levantamento de preços

A Seção de Economia e Desenvolvimento da CEAGESP informa que em razão da greve dos caminhoneiros e, como consequência, a redução acentuada da entrada de mercadorias no Entreposto Terminal São Paulo (ETSP), ficou impossibilitada a formação de preços compatível com a oferta e a diversidade de produtos e atacadistas. Com isso informamos que a cotação de preços ficará temporariamente suspensa até que a comercialização esteja normalizada. Pelos motivos expostos acima, não foi possível levantar preços para a elaboração da tabela de preços nesta quinta-feira (24/5).

CEAGESP abrirá seus portões normalmente nesta sexta-feira (25/5)

Todas as unidades da CEAGESP – tanto da capital como do interior – estarão com os portões abertos e estão programados para funcionar normalmente nesta sexta-feira (25/5), apesar da greve dos caminhoneiros estar dificultando a entrega e recebimento de mercadorias nos entrepostos, em especial de produtos que vem de fora do Estado de São Paulo, como o mamão formosa, que vem principalmente do Espírito Santo, e a manga, proveniente da Bahia.
Até o final da tarde desta quinta-feira (24/5), a produção vinda do interior de São Paulo conseguiu chegando aos entreposto em pequenas quantidades, como as citrícolas, verduras e boa parte dos legumes. Os produtos que permitem estocagem, como a maçã, pera, abóboras, coco verde, alho, cebola, etc foram encontrados com estoque para comercialização.
No Entreposto Terminal São Paulo (ETSP) da capital, tanto a feira de pescados, que ocorre das 2h às 6h no Frigorífico São Paulo (FRISP), como a feira de flores, que ocorre da meia-noite às 9h30, e…

CEAGESP abrirá seus portões normalmente nesta sexta-feira (25/5)

Todas as unidades da CEAGESP - tanto da capital como do interior – estarão com os portões abertos e estão programados para funcionar normalmente nesta sexta-feira (25/5), apesar da greve dos caminhoneiros estar dificultando a entrega e recebimento de mercadorias nos entrepostos, em especial de produtos que vem de fora do Estado de São Paulo, como o mamão formosa, que vem principalmente do Espírito Santo, e a manga, proveniente da Bahia. Até o final da tarde desta quinta-feira (24/5), a produção vinda do interior de São Paulo conseguiu chegando aos entreposto em pequenas quantidades, como as citrícolas, verduras e boa parte dos legumes. Os produtos que permitem estocagem, como a maçã, pera, abóboras, coco verde, alho, cebola, etc foram encontrados com estoque para comercialização. No Entreposto Terminal São Paulo (ETSP) da capital, tanto a feira de pescados, que ocorre das 2h às 6h no Frigorífico São Paulo (FRISP), como a feira de flores, que ocorre da meia-noite às 9h30, es…