Pular para o conteúdo principal

Greve de caminhoneiros prejudica levantamento de preços

A Seção de Economia e Desenvolvimento da CEAGESP informa que em razão da greve dos caminhoneiros e, como consequência, a redução acentuada da entrada de mercadorias no Entreposto Terminal São Paulo (ETSP), ficou impossibilitada a formação de preços compatível com a oferta e a diversidade de produtos e atacadistas.
Com isso informamos que a cotação de preços ficará temporariamente suspensa até que a comercialização esteja normalizada. Pelos motivos expostos acima, não foi possível levantar preços para a elaboração da tabela de preços nesta quinta-feira (24/5).