Pular para o conteúdo principal

Unidade de Ribeirão Preto estuda construção de plataforma de carga e descarga e novo pavilhão

O gerente do DEINT, José Camilo (ao centro,de azul), com equipe local do Entreposto de Ribeirão Preto e Giovanni Papini (1º. da direita)
O gerente do Departamento de Entrepostos do Interior (DEINT), José Camilo Gava Neto, acompanhado do chefe da Seção de Desenvolvimento, Planejamento e Projetos dos Entrepostos do Interior (SEDPI), Giovanni Papini, estiveram no dia 27 de setembro em visita técnica ao Entreposto de Ribeirão Preto, para verificar a área onde se pretende construir uma plataforma para carga e descarga de mercadorias no local.

A construção ainda requer aprovação da diretoria da Companhia, mas segundo José Camilo, o local está previamente definido e sua estrutura deverá ser inicialmente descoberta. A previsão é de se construir uma plataforma de cerca de 50 metros de comprimento com 15 de largura, com capacidade de atender aproximadamente 30 veículos médios e pesados.

Ademir Cipriano (funcionário do entreposto local) e Giovanni Papini (à direita) visitam possível local de implantação da futura plataforma

O intuito da obra é oferecer uma melhoria imediata para os permissionários, além de servir de uma ferramenta para atrair novos compradores para local. Outra obra prevista é a construção de um pavilhão com aproximadamente 70 boxes, medindo em média 30 m², podendo ter algumas áreas com 28 m² e outras com 50 m², cujo modelo de concessão ainda está em estudo pela Companhia.

Distante cerca de 320 KM da capital paulista, a unidade de Ribeirão Preto da rede CEAGESP ocupa uma área de 242 mil m², com 13.231 m² de área construída. Os principais produtos comercializados são a batata, banana, tomate, laranja e cebola. Por mês, são comercializadas 19,9 mil toneladas de produtos no atacado, que funciona às segundas, quartas, quintas e sextas-feiras das 5h30 às 12h. Na unidade ainda funciona uma feira de flores, que ocorre de terça e sexta-feira das 6h às 10h.